Pesquisar este blog

Seguidores

sábado, 10 de maio de 2008

Amor Mentiroso

Apesar de amar, apesar de querer tão intenso,
Não permito essa dor,
Que este falso amor,
Teima em deixar,
No meu coração...
Eu preciso lutar, dar a volta por cima
E sair n'uma boa,
Se a saudade chegar, vou fingir que não vi,
E não vou me entregar...
Eu me dei de verdade!
E na realidade, só eu que amei,
Como posso então, me deixar destruir,
Por tão falsa paixão...
N'um amor verdadeiro, tudo é por inteiro,
tudo é por igual...
E este amor mentiroso, só me trouxe tristeza,
E me fez tanto mal...



Obra de Gutemberg Landi, todos os direitos são reservados ao autor.


Homenagem Póstuma:
"O amor só é descoberto, quando ultrapassa o amar!!!"

ARTUR DA TÁVOLA
*1936 +2008

Palavras Soltas Entrelinhas...: No por do Sol Da Existência!

Palavras Soltas Entrelinhas...: No por do Sol Da Existência! : No por do sol da existência, Me vem sorrindo as lembranças, Dos tempos entã...