terça-feira, 28 de agosto de 2012


 


 http://api.ning.com/files/U4rzSsMvsu3*Xfm5YmfNdgxCk1c4N0LxdXzW-7Vu9Dxk5Vp*wFiW2KafYjLhGiFlY9IPGX67MvknRjxNwytO-CD5g-KKQvtO/testeheader.jpg?xn_version=201208202020



Em artigo no Observatório da Imprensa, Carlos Brickmann diz que a mídia não pode fazer uma cobertura pautada por "ministros bons" e "ministros maus". Para ele, a mídia tem um importante papel ao mostrar para a opinião pública os vários aspectos dos votos dos ministros, e não apenas transformar a Justiça em "instrumento de vingança". Clique aqui para ler a íntegra do artigo
O jurista Luiz Flávio Gomes critica o que chama de "jornalismo justiceiro", que tenta competir com a Justiça e impor suas próprias conclusões. Entre as vítimas desse tipo de jornalismo, estãos ministros do STF, que vêm sendo questionados e criticados abertamente por respeitarem ritos clássicos do Judiciário. Clique aqui para ler a íntegra do artigo
Visite MobilizaçãoBR em: http://mobilizacaobr.ning.com/?xg_source=msg_mes_network

PSDB: sair da base de apoio ao governo não limparia biografia

O abandono da coalizão não livraria os tucanos da associação com Temer e poderia ser considerada como um ato oportunista pelo eleitorado ...