Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

ÉTICA... ONDE ESTÁS QUE NÃO A VEJO!


É incrível como se procede a política neste País, repleta de ressentimentos, picardias e principalmente ataques travestidos de posições honestas e ética moral.
Pesquisando nos boletins da Câmara dos Deputados deparei com um requerimento feito a COMISSÃO DE FISCALIZAÇÃO FINANCEIRA E CONTROLE – CFFC, assinados pelos Companheiros Deputados Sibá Machado-PT/AC e Edson Santos-PT/RJ, que requer a realização de auditoria pelo Tribunal de Contas da União nos gastos com passagens aéreas e diárias dos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Tendo como justificativa denúncia publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo sobre uma verdadeira farra de passagens e diárias, envolvendo ministros do Supremo Tribunal Federal e suas esposas em períodos de recesso ou de licença médica, justifica este requerimento.
Em um trecho do requerimento vimos que o próprio Exmo Senhor Presidente da nossa Corte Suprema, aparece como um dos usuários de tais “BENEFÍCIOS”. Diz o referido trecho:


 ”O próprio Joaquim Barbosa, presidente da Suprema Corte, aparece na denúncia e, ao que parece, resolveu reagir, atacando o Congresso Nacional e os partidos políticos numa aparente tentativa de desviar o foco da denúncia. Segundo o jornal, em 2009 e 2010 – período em que esteve afastado do STF por alegados problemas de saúde – Barbosa viajou 19 vezes com passagens bancadas pelo STF. Além de São Paulo, Fortaleza e Salvador, viajou rotineiramente para o Rio de Janeiro, cidade onde mantém sua segunda residência. De 2009 a 2012, Barbosa viajou por 27 vezes no recesso do órgão. A autoridade máxima do Judiciário brasileiro tem gozado de verdadeiras regalias com o uso de recursos públicos. Tudo sob o respaldo supostamente legal, mas com práticas bem questionáveis do ponto de vista da ética, em outros poderes.”

Assim, de acordo com o exposto no trecho acima, fica praticamente claro e evidente que a ira incontida nitidamente nos discursos do Excelentíssimo Senhor Presidente da Suprema Corte, principalmente relacionados aos companheiros do Partido dos Trabalhadores, parte de um ato vingativo e de contra ataque  ou seja, quando o Senhor Ministro Presidente cita em seus discursos compostos de ira e revolta,  pessoas históricas do cenário político nacional como QUADRILHEIROS, LADRÕES E CORRUPTOS, trata-se de uma questão mais pessoal do que profissional e idônea, como assim requer e exige seu posto de SUPREMO LÍDER DA CORTE JUDICIÁRIA BRASILEIRA.


Gutemberg Landi.

Palavras Soltas Entrelinhas...: No por do Sol Da Existência!

Palavras Soltas Entrelinhas...: No por do Sol Da Existência! : No por do sol da existência, Me vem sorrindo as lembranças, Dos tempos entã...