quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

No Rio de Janeiro até prefeitura invade imóvel alheio!



A Prefeitura Da Cidade Do Rio de Janeiro (Capital do Estado de mesmo nome), está sendo acusada pelo Comandante do Comando de Atividades de Salvamentos Marítimos do Corpo de Bombeiros Carioca, Coronel Sérgio Ângelo Da Rocha, de invadir espaço do 1º Grupamento Marítimo, localizado na enseada de Botafogo, estando o Comandante com documentos que comprovam o ato.





A área em questão, pertence a União e foi cedida para por Lei, para a instalação do Grupamento de Salvamentos da Corporação, no entanto, a Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, arbitrariamente desde a década de 80, tomou parte do prédio, autorizando sua exploração do referido imóvel, pela iniciativa privada.




Entre os “autorizados” pela Prefeitura, está o Restaurante Real Astória que recebeu da mesma em 2006 termo de licença e concessão para localização e funcionamento pelo prazo de 20 anos.
Leiam Mais Na Página Deu Nos Jornais

PSDB: sair da base de apoio ao governo não limparia biografia

O abandono da coalizão não livraria os tucanos da associação com Temer e poderia ser considerada como um ato oportunista pelo eleitorado ...