Pesquisar este blog

Seguidores

segunda-feira, 13 de abril de 2015

PT! De estrela guia a decadente…


(“Mas, ainda dá para voltar a brilhar, basta cortar na própria carne!”)


É no mínimo triste, para não dizer vergonhosamente lastimante, quem viu, lá em seus primórdios, a estrela do Partido Dos Trabalhadores PT, despontar não só como símbolo de um novo partido político, e sim, como o nascimento de um verdadeiro instrumento de defesa não só dos trabalhadores mas, de todo o povo Brasileiro que naquela época, ainda vivia sob a sombra obscura da ditadura que trazia em seus tentáculos devoradores, a sede e a fome incansável dos altos juros, da infame inflação galopante e dos parcos salários.

Ver hoje, após a conquista tão sonhada, esperada e brigada de chegar ao poder supremo de governança do País, para desespero da direita que detinha este poder, mesmo após a queda da ditadura, como uma remanescente praga daquele regime medonho.

Aquela esperança em forma de estrela, que despontou das lutas, das greves, das contendas patronais/empregados, iniciadas nos portões das fábricas pelos profissionais metalúrgicos, encorajando várias outras categorias que até então se deixavam subjugar pelo temor da perda de seus empregos, com essa luta, veio também o fortalecimento dos sindicatos, a criação de associações representantes de empregados de empresas estatais, que apesar de serem celetistas, não se arriscavam em manifestações tendo em vista a condição de empregados do governo.

Estar atualmente para o povo Brasileiro, no mesmo sentido dos outrora seus antagonistas tão combatidos opressores da nação, e tudo isto, por única e exclusiva culpa do mesmo PT, dantes visto como luz, hoje tido como trevas, com muitos de seus principais representantes envolvidos em falcatruas, trapaças, conluios corruptivos e sendo tratados, não como culpados, porém, sempre como meros indiciados e suspeitos, por obediência e subserviência ao famigerado e nojento sentimento denominado, corporativismo partidário.

Se o Partido Dos Trabalhadores PT, cortasse na carne sem dó nem piedade os seus problemas internos, com ao menos suspensão das filiações e direitos partidários, assim como a expulsão dos que ficassem provados corruptos, praticantes de atitudes fraudulentas e roubo de dinheiro público, dando uma resposta ao povo com prova de ética, transparência, responsabilidade e respeito a este mesmo povo que um dia visualizou sua estrela como a estrela guia de novos e prósperos dias.

Hoje não assistiria as manifestações de repúdio, de renegação e desprezo pelo desgoverno que tomou conta do seu governo, levando sua estrela dantes guia, transformar-se em uma triste estrela cadente e decadente, aproximando-se de aterrizar e encerrar seu belo momento de aparição na constelação varonil da nação brasileira, no oceano de lama que atualmente banha o Brasil despontando em sua Capital, espalhando-se em enormes tenebrosas e ameaçadoras ondas por todo o seu território.



Gutemberg Landi

12.04.2015

Jusbrasil Newsletter. Noticias da Justiça Brasileira.

Desacatar funcionário público no exercício da função ou em razão dela continua a ser crime, conforme previsto no art. 331 do Código Pen...