quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Coincidências ou não, Nara e Elis. Saudades Eternas!




Há 75 anos nesta data, nascia a que seria uma das maiores, se não a maior, interprete da Bossa Nova, a Cantora Nara Leão, e por uma infeliz coincidência do destino, (se assim quisermos ver e aceitar), e/ou, por já estar escrito nos livros de registros sagrados, por Deus, nosso Pai Supremo e Verdadeiro, Senhor de Tudo e de Todos, o que devemos todos os que assim nele creem, entender e aceitar... Há, exatos 35 anos, deixava este mundo mortal e material, a excepcional e esplendorosa INTERPRETE da Música Popular Brasileira, ELIS REGINA, para quem eu humildemente rendo uma homenagem na letra poética abaixo, desejando e rogando a Deus, que estejam as duas, Nara e Elis, neste momento, juntas com tantos outros, cantores, compositores, poetas, enfim... Representantes da Cultura Brasileira e até Exterior, participando de Corais Celestiais, brindando ao Senhor com seus cantos e interpretações maravilhosas, abençoadas e sobretudo capacitadas por ele. Saudades Eternas. 
19.01.2017.






PSDB: sair da base de apoio ao governo não limparia biografia

O abandono da coalizão não livraria os tucanos da associação com Temer e poderia ser considerada como um ato oportunista pelo eleitorado ...